Como vencer um candidato à reeleição

Enfrentar uma eleição contra alguém que já ocupa o cargo é uma perspectiva desafiadora. Dependendo da função, o oponente tem muitas vantagens – seu nome é conhecido, sua capacidade de levantar recursos é maior, existe a verba de correios à sua disposição, empregos a oferecer, etc. Entrar numa eleição desafiando quem já está no cargo pode parecer impossível. Certamente, concorrer a um cargo em aberto é sempre mais fácil, mas vencer quem já o ocupa é possível, se você começar cedo a definir seu oponente, estabelecendo um contraste e definindo a agenda do debate.

Comece cedo

A maioria dos ocupantes de cargos políticos está em campanha perpétua. Após vencer a eleição, começam a imediatamente planejar sua reeleição. Muitos desafiantes cometem o erro de esperar até que o período “tradicional” de eleições tenha início. Não caia nessa. Para um desafiante, nunca é cedo demais para começar uma campanha. Mesmo que os eleitores ainda não estejam ligados nas eleições, comece assim que puder. Não só é possível planejar e pesquiisar sua campanha durante este tempo, mas você pode começar a assistir reuniões e construir sua organização. Seu opositor já terá começado a colocar seu nome nos jornais e nas mentes dos eleitores – faça o mesmo.

Defina seu oponente

Ao desafiar alguém  que já ocupa o cargo, é imperativo que sua campanha defina seu oponente antes que ele tenha a chance de se definir ele mesmo. Pesquise cuidadosamente seu desempenho e defina seu oponente em termos favoráveis a você. Por exemplo, se você está concorrendo contra alguém que aumentou os gastos da cidadae em 35% desde que assumiu o cargo, use todas as oportunidades para martelar isso. Publique folhetos mostrando as estatísticas, escreva artigos de jornal exigindo uma revisão do orçamento municipal. Em suma, defina seu oponente como um “perdulário”. Faça-o defender esse aumento do orçamento, com efeito admitindo que ele é um perdulário.

Marque um contraste

Após definir seu oponente, marque um forte contraste entre ele e você. Só há uma razão para os eleitores tirarem alguém do cargo que ocupa: encontrar alguém melhor. Você tem que se apresentar como uma alternativa melhor que seu oponente. Mostre que você é diferente e que a diferença faz de você a melhor escolha.

Defina a Agenda

Isso complementa a definição de seu adversário. Se  ele tiver a chance, seu oponente vai transformar a eleição numa vitrine das forças dele e de suas fraquezas. Por exemplo, se ele for forte na questão da educação, ele pode tentar focar a eleição em quem pode fazer o melheor trabalho para melhorar o ensino na escolas municipais. O seu trabalho é sair na frente definindo a agenda em termos favoráveis a você. Derrotar alguém que já ocupa o cargo é possível com muito trabalho e preparação. Comece cedo e defina o tom da campanha. Mostre aos eleitores que há uma clara diferença entre você e seu adversário numa questão que você vai definir. Diga-lhes porque você é o candidato mais forte e ttrabalhe para levar essa mensagem aos eleitores.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.